á imaginou nadar, surfar ou mesmo curtir uma praia com as amigas vestida desse jeitinho como mostra a foto abaixo? Não, né? Mas era exatamente assim que as mulheres iam à praia no século XX.

 

annette2

 

 

Como, naquela época, ter a pele bronzeada era propriedade daqueles que trabalhavam no campo, a “galerinha” socialmente superior abusava nos panos, usando combinações de calças e vestidos volumosos.

Além da falta de estilo, o peso dos vestidos provocavam um certo desconforto na hora da prática do esporte. E, foi pensando nesse incomodo, que a nadadora profissional, Annette Kellerman, desenvolveu o maiô de peça única – os famosos “Maiôs Annette Kellermans”.

Ideia revolucionária que gerou o maior escândalo na época. Annette chegou até a ser presa por atentado ao pudor após posar vestindo uma de suas criações. Isso porque, em 1907, mulheres que saiam com o corpo mais à mostra do que o habitual eram acusadas de indecência.

 

 

anette

 

 

Por sorte, toda essa polêmica fez com que o maiô de peça única ganhasse popularidade, resultando a primeira linha de roupa de banho para mulheres. Um marco na história da moda e o primeiro passo para a modernidade e irreverencia dos trajes de banho que viriam em seguida.

 

Se hoje usamos e abusamos de uma vasta moda praia, com modelos de maiôs e biquinis que até Deus duvida, devemos isso à iniciativa maravilhosa que Annette Kellerman teve de lutar por nossos direitos.