We love it… porque Roberta gosta tanto das ondas quanto nós e sabe transmitir essa paixão em suas fotografias.

“Era final da década de 70, em Torres, especificamente na pequena praia de Guarita. As ondas quebravam perfeitas e eu ainda não sabia o que era aquilo. Percebi logo que a sensação era fantástica, entrei de cabeça, surfei minha primeira onda e nunca mais fui a mesma. Aquele momento mudaria toda a minha vida.

Foi campeã brasileira de surf em 1985 e representou o Brasil no Mundial Amador de Surf na Inglaterra em 1986, sua paixão pelo surf foi o que levou a Roberta a fotografar. “Sentia necessidade de fazer parte daquela natureza e ao mesmo tempo queria compartilhar com os outros os belos momentos que testemunhava. ”

Começou a fotografar aos 16 anos e quando morou em San Francisco, Califórnia, decidiu ir fundo na fotografia do ambiente do surf e de seu entorno. Desde então realizou trabalhos para diversas revistas do meio. Se profissionalizou e recebeu os prêmios Porto Seguro Revelação (2010) e Escola Criação ESPM (2009).

(Fonte: Site Roberta Borges)

Hoje Roberta vive entre as cidades de Garopaba e Porto Alegre, coordenando seus trabalhos na área de arquitetura e fine arts.

A fotógrafa utiliza como equipamento uma full frame Canon 5DMark II, uma Canon 7D, caixa estanque e Go Pro.

Quando a perguntamos qual conselho daria às garotas que gostariam de seguir a carreira de fotógrafa, ela nos disse:

“Acho que o melhor conselho é fazer uma boa formação, pois senti muita diferença depois da especialização que fiz na ESPM e existem também vários cursos curtos e workshops interessantes. Além disso, se permita testar de tudo, treine e experimente e no final você vai descobrir que pode ir além do que imagina!

Veja muitas outras fotos no site: www.robertaborges.com.br